domingo, 12 de julho de 2009

Hoje a volta foi à tarde

De manhã, não consegui sair de casa antes da minha filha acordar, por isso acabei por ir até à praia da Nazaré e a volta matinal,passou para a tarde.
O objectivo do dia era fazer o Tour des Grottes, passando pelas grutas dos Alvados e fazendo a subida às grutas de Santo António pelo lado de Minde.16:30 Saí de casa em direcção à Nazaré. Um dos objectivos era fazer mais de 120 quilómetros de subidas.
Depois da Nazaré em direcção a São Martinho virei para os 2/3 Kms de subida entre Cela Velha e...
...Cela Nova, sempre em 50x3 velocidade mais leve (não tenho aqui a bicicleta para ir verificar quantos dentes tem...).
Alcobaça e e o seu mosteiro
Nesta subida, fui alternado entre sentado e levantado, a tentar manter a velocidade acima dos 18 kms, nem sempre consegui.
Ainda tinha que passar para lá daquela serra lá ao fundo.
Já depois de Porto de Mós, o inicio das subidas a sério, está quase.
Uma recta para descansar depois de passar Livramento.
Alguns amigos, já me perguntaram o caminho para a subida das curvas por Alvados até ás grutas, pois bem, podemos chegar lá de duas maneiras, ambas passam por esta rotunda.
A primeira, é a menos difícil, indo de Porto de Mós em direcção a Mira D'Aire, basta virar em direcção ao parque de merendas dos Alvados, seguir a recta até chegar a esta rotunda e virar na primeira à direita.
A segunda opção, é não virar aí e continuar a subir em direcção a Mira D'Aire e já mais em cima, virar à direita em direcção a Alvados. Aqui se virarmos logo à direita dá para subir às grutas mas é sempre a direito, para fazer as curvas das fotografias em baixo, seguimos em frente até apanhar a tal rotunda.
Quem quiser fazer um treino um pouco mais intenso, pode sempre fazer a segunda opção...
Ao iniciar a subida, "bateu-me" um certo desanimo, depois de fazer mais de 1 km de plano, estava à frente de uma "parede", não podia ir-me a baixo, estava lá para subir e já a tinha subido antes. Atiro esse pensamento para trás, meto o prato de 34 e a 2ª mais leve (estava a guardar a mais leve, para mais tarde...).
Pouco antes de fazer este cotovelo, tive mesmo que parar, não pelo cansaço (que tinha) mas pelo suor que caiu nos olhos. Ainda tentei seguir, mas estava mesmo a arder. Parei, passei os olhos por água e continuei.
Não é a fotografia ideial, estava ocupado a pedalar, mas dá para ver parte do dito cotovelo lá em baixo!
Chegado ás grutas dos Alvados vi que já era tarde de mais para a volta que tinha em mente, por isso continuei a subir até chegar ás grutas se Santo António.
Chegado aí parei no café do restaurante, para beber o meu prémio de montanha, uma merecida Coca-Cola bem fresquinha!!! Aproveitei para lavar a cara, os óculos, encher os bidons e comer um pão com doce de amora. 19:00 Horas, está a ficar tarde.
Como estava calor não levei a habitual camisa interior, como o regresso até Porto de Mós é sempre a descer e já estava a ficar frio, lembrei-me de uma coisa que os ciclistas "a sério" fazem nas descidas. Eles metem algumas folhas de jornal no peito a fazer de corta vento. Eu o que tinha era a película das sandes e um papel que tinha para limpar os óculos, foi isso que utilizei, não fica muito bonito, mas resultou!
Mira D'Aire lá ao fundo.
A tal subida e cotovelo.
O outro acesso sem curvas até ás grutas dos Alvados.
O caminho de regresso é mais rápido.
No total, foram 95,9 kms feitos em 3:55 horas, não foi aquilo que queria fazer, mas fiquei satisfeito, cheguei a casa com a sensação que teria conseguido fazer mais. A verdade, é que se nos alimentarmos como deve de ser, o corpo consegue recuperar e seguir caminho.
Agora é ter calma e não abusar, até ás 12 Horas de Proença acabaram-se as subidas, não quero fazer o mesmo erro das 3 Horas de Leiria...

9 comentários:

TC Projeto Triathlon (Tuco) disse...

Só pelo visual... Faltou fôlego né Joãozinho... Um abração amigo!

Pedro Belo disse...

Boas.
Em principio vou estar parado até ao final do ano. diagnóstico: Luxação Acromioclavicular

Acabaram-se a voltinhas, para jà.

Boas pedaladas,
Pedro Belo

As Minhas Pedaladas disse...

Pedro, nem sei o que dizer... Até ao fim do ano!!! Não pensei que fosse tão sério, se o espalho tivesse sido em terra, talvez não tivesse sido tão sério... AS melhoras, aparece na Sexta!

Marco Belo disse...

ah grande johnny! mais um pouco e chegavas aos 100! sempre era um numero mais redondinho.. ;)

Entretanto tenho de começar a pensar numa bicicleta de estrada! tenho "fome" de fazer assim voltas grandes..

Até sexta,
MB.

o salineiro disse...

Hehehe o pessoal está a ser todo contagiado pela estrada. É o resultado destes relatos.

A estrada é uma curtição diferente do BTT. São os quilómetros, os limites, as terras por onde se passa, a companhia... ou a falta dela.

Contínua João... havemos de nos encontrar um dia por esses caminhos... se conseguir acompanhar-te.

Macrobiótico disse...

Boa João! Vai nessa...

GAF disse...

Boas

Deixas-te invejoso de novo e hoje fui a Alvados exprimentar :-) grande picada, até ao "cotovelo" é sempre a "sofrer" depois chegado a gruta ui.....
Mas tens de exprimentar ir por Fátima, depois vais ate Mira de Aire e sobes à Gruta, depois desces vais até casa e tas com os tais 120Km no pelo.

Grande Abraço GAF

bacano disse...

Boas
Assim está bem também gostava de ter uma bicicleta de estrada para umas voltas dessas mas por agora não dá continua que estas num bom caminho...

Abraço e boas pedaladas
Bacano

As Minhas Pedaladas disse...

Tuco, com uma subida destas!!! Custa sempre um pouco a respirar!
Marco realmente pouco faltou para os 100kms, mas andar ás voltinhas à volta de casa para passar a barreira dos 100, pareceu-me um pouco despropositado! Vê lá isso da bicla de estrada!
Salineiro, com o sem companhia temos que nos fazer à estrada, essa é a grande vantagem da estrada, é que se tivermos um Azar daqueles haverá em principio alguem que nos poderá ajudar, o mesmo não se passa com o BTT, que devemos fazer sempre acompanhados!
Temos que combinar uma volta!
Gualdino, é uma subida do caraças não é??? Gostei da sugestão tenho ver se dou essa volta num destes dias!
Camarada Bacano é uma pena não poderes alinhar nas 12 horas de Proença! Na Sexta, em principio apareço para bebermos o segredo do pessoal do clube btt do Juncal!!! uma(s) minis pretas!!!!